Notícias

Cereser se adapta para atrair consumidores jovens

Publicado em : 06/09/2017

A CRS Brands, fabricante brasileira de bebidas, decidiu reformular a marca Cereser para atrair o público jovem e acelerar as vendas de sidra nos próximos anos. A companhia fez mudanças na logomarca, nos rótulos e nas garrafas. Além disso, vai colocar no varejo, a partir de novembro, uma nova linha de bebidas à base de sidra, voltada para consumidores de 20 a 35 anos. Os investimentos no "rejuvenescimento" da marca superam R$ 15 milhões, o triplo do investido no ano passado.

 

A maior parte do investimento será destinado às duas principais marcas da companhia: a Cereser, de sidra, e Dom Bosco, de vinhos de mesa, de acordo com Antonio Lourenço Filho, diretor comercial da CRS Brands. "A marca Cereser completa 50 anos em 2017 e a companhia trabalha para modernizar a marca e atrair novos consumidores, para garantir a sua existência no futuro", disse. Lourenço acrescentou que a maioria dos lançamentos a serem feitos pela CRS Brands nos próximos cinco anos são com a marca Cereser.

 

Em novembro, a companhia coloca no mercado a Cereser Frisé, uma bebida à base de sidra (bebida alcoólica espumante feita com maçã) misturada com fermentado de uvas e sabores de frutas. A linha tem teor alcoólico de 8%, ante 6% da sidra, e será vendida apenas em garrafas de 300 mililitros para consumo individual.

 

A linha Frisé, disse Lourenço, foi criada a partir de pesquisas sobre os hábitos de consumo do consumidor com 20 a 35 anos. "Esse público gosta de bebidas com teor alcoólico um pouco mais alto que a sidra, que sejam refrescantes, e em embalagens para consumo individual em bares e festas. Na categoria de sidras, não existe nada parecido no mercado atualmente", afirmou.

 

A expectativa do executivo é atrair novos consumidores para a marca Cereser. De acordo com ele, o público médio que consome sidra atualmente está na faixa de 40 anos. Lourenço estima atingir, no primeiro ano de operação da marca Frisé, vendas de 5 milhões de garrafas. (Fonte: Supermercado Moderno)

Notícias

Perdas com perecíveis chega a R$ 6 bilhões em 2017

23/02/2018

Receita exigirá mais informações do contribuinte na declaração de 2019

23/02/2018

Lucro líquido do Magazine Luiza avança 260%

23/02/2018

Fundação Getulio Vargas aponta melhora em clima econômico da América Latina

23/02/2018

Vendas do setor supermercadista tem alta de 1,25% em 2017

23/02/2018

Como evitar que seus melhores funcionários peçam demissão

23/02/2018

Produtos Piracanjuba são destaque na Pesquisa Líderes de Vendas

23/02/2018

Confira a programação de março e abril da Escola Agos

23/02/2018

Curso Cartazista é realizado pela Escola Agos em fevereiro

16/02/2018

Com expectativa de inflação em 4,2%, cortes na Selic podem ser interrompidos

15/02/2018
voltar para página anterior
AGOS - Associação Goiana de Supermercados